You are currently viewing Campanha alerta para prevenção do câncer de cabeça e pescoço
Campanha é organizada pelos alunos de graduação e de pós-graduação da FMRP e profissionais residentes e assistentes do HCFMRP

Campanha alerta para prevenção do câncer de cabeça e pescoço

Ação irá divulgar informações através de peças publicitárias educativas e aulas curtas nas mídias sociais

Para conscientizar a população sobre a prevenção do câncer de cabeça e pescoço, alunos, professores e colaboradores da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) e do Hospital das Clínicas da FMRP realizam a campanha Julho Verde até o dia 31 de julho. Devido à pandemia, a iniciativa reúne intervenções educativas no formato on-line para impactar funcionários, pacientes e moradores de Ribeirão Preto e região.

A programação da campanha conta com aulas curtas sobre autoexame da boca; biologia dos tumores, várias abordagens sobre o câncer de tireoide, cuidados paliativos e atuação do fonoaudiólogo. Os vídeos serão publicados no Canal da FMRP no YouTube, neste link.

Os interessados podem acompanhar a programação completa neste link, além dos perfis da FMRP , do HCFMRP e da Clínica Civil no Instagram.

O que é câncer de Cabeça e Pescoço

Os tumores de cabeça e pescoço são uma denominação genérica do câncer que se localiza em regiões como boca, língua, palato mole e duro, gengivas, bochechas, amígdalas, faringe, laringe (onde é formada a voz), esôfago, tireoide e seios paranasais.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), estima-se que a cada ano do triênio 2020-2022, o Brasil terá 625 mil novos casos de câncer. Além disso, o câncer de cabeça e pescoço é o quinto tumor mais frequente em homens, sendo que a estimativa é de 39.960 casos novos para o sexo masculino e de 34.280 para o feminino até 2022.

“Pretendemos ampliar o número de diagnósticos precoces, por meio da conscientização sobre os fatores de riscos evitáveis e os sinais e sintomas, evitando, assim, o crescente número de casos avançados de câncer de cabeça e pescoço que comprometem funções como a respiração, deglutição, fala e voz”, finaliza a professora Lilian Neto Aguiar Ricz, que é uma das coordenadoras da iniciativa.

A campanha é organizada pelos alunos de graduação e de pós-graduação da FMRP e profissionais residentes e assistentes do HCFMRP; com apoio da Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do HCFMRP (FAEPA).