You are currently viewing Universidades se unem em campanha pela vida e pelas vacinas contra o coronavírus

Universidades se unem em campanha pela vida e pelas vacinas contra o coronavírus

Diante de um cenário alarmante de casos e mortes por covid-19, USP, Unesp, Unicamp e UFSCar, entre outras, realizam ação conjunta pela vacina, vida e ciência

O Brasil enfrenta atualmente um momento de vacinação lenta e propagação rápida de casos e mortes quando o assunto é coronavírus. Com a pandemia durando mais de um ano, a mobilização de setores da sociedade nesse combate tornou-se essencial. Com isso em mente, USP, Unicamp e Unesp juntaram-se em campanhas pela vida, vacinas e pela produção científica nacional como um todo.

As três universidades – que juntas representam 1 ⁄ 3 da produção científica de todo o País – realizam, a partir de hoje, dia 12 de março, uma ação conjunta com a instalação de faixas pretas em suas fachadas, em sinal de luto e solidariedade às centenas de milhares de mortes ocorridas no Brasil em decorrência da doença. Além de USP, Unesp e Unicamp, também participam da ação as universidades federais de São Carlos (UFSCar), do ABC (UFABC), de Santa Catarina (UFSC), de Santa Maria (UFSM), do Paraná (UFPR) e do Rio Grande do Norte (UFRN).

A campanha vem em um momento extremo: no início de março, um ano após a confirmação oficial da primeira morte por covid-19 no Brasil, o País se aproxima de 300 mil mortos e se vê diante de recordes negativos de óbitos diários. “Luto pela Vida é a mensagem que as três universidades estaduais paulistas estão transmitindo à população. Estamos vivendo momentos extremamente difíceis e temos sim que estar unidos para superá-los. Infelizmente, negacionismo, crendice, desprezo à ciência e ao conhecimento estão cobrando um preço muito alto”, afirmou Vahan Agopyan, reitor da USP.

Clique aqui para ler a matéria completa no Jornal da USP.