Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – CIPA

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) da Faculdade de Medicina de Ribeirão da Universidade de São Paulo é composta por doze membros, sendo seis deles representantes escolhidos pela instituição e outros seis escolhidos por seus pares, por meio de eleição secreta. Esta comissão tem por finalidade promover a saúde do trabalhador e a preservação da vida prevenindo acidentes e doenças decorrentes do trabalho. Para isso, são promovidas reuniões ordinárias entre os membros para decisões e discussões acerca dos itens de interesse para a saúde do trabalhador.

Dentre suas principais atribuições estão a identificação dos riscos do processo de trabalho mediante elaboração do mapa de riscos, com participação do maior número possível de trabalhadores e a assessoria do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT), se houver. Deve, também, elaborar plano de trabalho que possibilite a ação preventiva de problemas de segurança e saúde no trabalho, auxiliando na implementação e controle da qualidade das medidas de prevenção necessárias, bem como da avaliação das prioridades de ação nos locais de trabalho.

A CIPA deve realizar, periodicamente, verificações nos ambientes e condições de trabalho visando a identificação de situações que venham a trazer riscos para a segurança e saúde dos trabalhadores. Em suas reuniões, a comissão deve avaliar o cumprimento das metas fixadas em seu plano de trabalho e discutir situações identificadas como típicas de risco. Os trabalhadores devem ser informados, por meio da comissão, todas as várias situações relativas à segurança e saúde no trabalho. Quando necessário, a CIPA pode requerer a paralisação de máquinas ou setores se for detectado risco grave e iminente à segurança e saúde dos trabalhadores. Finalmente, a CIPA deve promover, anualmente, a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (SIPAT).

Visite o site da CIPA.