Page 4 - Catalogo Institucional
P. 4
tória

Interiorização e inovação curricular
marcam o início da FMRP

Trabalhar em tempo integral, desde a fundação, foi
fator decisivo para que os docentes produzissem novos
conhecimentos que revolucionaram a área biomédica.

AFMRP, primeiro curso Prédio central: inaugurado em 1942 para sediar a escola técnica agrícola
médico público fora das Central Building: opened in 1942 to host the technical agricultural school
capitais, iniciou suas
atividades em 1952, Também foram descobertos do genoma em diversas doenças.
mudando paradigmas. Ainda hoje os mecanismos envolvidos na No início do ano 2000 foram im-
é a única escola médica do país em gênese de várias outras doenças plantados os cursos: Fisioterapia e
que 98,8% dos docentes trabalham infecciosas, incluindo hanseníase, Terapia Ocupacional , Fonoaudio-
em tempo integral e dedicação tuberculose e paracoccidioidomi- logia ; Nutrição e Metabolismo,
exclusiva. A promessa do coor- cose e diversas doenças neuropsi- Informática Biomédica. O Curso
denador da implantação do curso quiátricas. Descreveu-se como se de Ciências Biológicas, Moda-
e primeiro diretor, Zeferino Vaz dá o controle do sistema cardio- lidade Médica, criado em 1965,
(1952- 1964) de “revolucionar o vascular, a liberação de diversos foi reestruturado como Curso de
Ensino Médico” não ficou apenas hormônios e os processos que Ciências Biomédicas oferecido a
na retórica. Os primeiros profes- participam da dor inflamatória, partir de 2014.
sores contratados foram oriundos de doenças autoimunes e sepse.
de centros de excelência do país, Outras colaborações: transplantes Fundação Rockefeller
da América Latina e da Europa. Os de medula para tratamento de
pioneiros foram incumbidos não doenças autoimunes e de órgãos investiu cerca de US$
só de transmitir, mas também de sólidos, implante coclear, cirurgia 1 milhão na melhoria
gerar conhecimento. O curso de do aparelho locomotor, desenvol- da infraestrutura da
Medicina teve início com uma es- vimento de cirurgias para trata- Faculdade de Medicina de
trutura curricular em etapas volta- mento de epilepsia, virologia e Ribeirão Preto da USP
das ao ensino básico e clínico, com estudos de mudanças hereditárias
ênfase na pesquisa, tecnologia e
especialização. Entre as novidades
no currículo, foram introduzidas
matérias como Psicologia Médica
e Medicina Preventiva. O curso já
diplomou em torno de 4800 médi-
cos e titulou, desde 1971, mais de 7
mil mestres e doutores, correspon-
dendo a mais de 7% dos títulos de
pós-graduação da USP.
Ao longo de mais de 60 anos,
entre as principais descobertas,
destacam-se as pesquisas sobre o
papel da bradicinina, que levaram
ao desenvolvimento dos inibi-
dores da enzima conversora de
angiotensina e sobre a Doença
de Chagas, com a descrição dos
mecanismos envolvidos nas
disfunções cardíacas e digestivas
e na gênese da doença, além de
estudos sobre sua transmissão.
   1   2   3   4   5   6   7   8   9